Sejam Bem Vindos ao Previdência! O Blog do Jesus          Fale conosco através do e-mail: jesusprevidencia@hotmail.com         Follow me no Twitter do Jesus - @JesusDivino       http://twitter.com/JesusDivino  


Mal estar com plano de demissões na Copel

Durante a escola de governo realizada na manhã de ontem, 28, o presidente da Copel, Rubens Ghilardi, confirmou que a empresa está executando um processo de desligamento de funcionários, denominado Plano de Sucessão.

Os servidores, cerca de mil técnicos de nível médio e engenheiros já aposentados pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), serão dispensados para dar lugar a novos servidores, selecionados em concurso público, afirmou Ghilardi.
“Nossa idéia é estabelecer alguma ordem na dinâmica das aposentadorias para que não sejamos surpreendidos por um repentino esvaziamento do quadro, principalmente em funções críticas da nossa atividade”, justificou... Continua

Meus comentários:

Estão desvirtuando o motivo pelo qual a previdência foi criada, que é, para quando a pessoa perde a capacidade de trabalhar e tem que ir para os aposentos. Previdência se tornou apenas um "plus" de renda, ou seja, as pessoas incorporam a aposentadoria em sua renda, e acabam não aposentando nunca.

Nesta questão não tem acordo comigo, aposentou tem que procurar algo lúdico para fazer, e deixar o posto de trabalho para as novas gerações.

Vejam também: 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:14
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




CNJ: Aposentado ganha extra no tribunal do AM

Inspeção constatou descontrole em diárias e pagamento de horas extras a servidores inativos
Inspeção feita pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) constatou indícios de várias irregularidades no Tribunal de Justiça (TJ) do Amazonas. Conforme relatório apresentado ontem pelo corregedor nacional de Justiça, Gilson Dipp, aprovado pelo CNJ, foram constatados pagamentos de horas extras para pelo menos seis inativos e cinco pensionistas, de diárias de forma descontrolada e de gratificações mensais de R$ 3,1 mil a R$ 15.283,87 para cabos, soldados e sargentos colocados à disposição do tribunal...
Continua

Meus comentários:

Este é apenas um dos motivo pelo qual eles, os magistrados, não querem aderir a gestão única da previdencia dos servidores, mas o discurso é outro. Para entender um pouco mais, leiam:

Goiasprev: Risco de falta de recurso

Goiasprev, um avanço



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 21:38
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho

A data em memória às vitimas de acidentes de trabalho, 28 de abril, surgiu no Canadá por iniciativa do movimento sindical, espalhando-se por diversos países, por meio de sindicatos, federações, confederações locais e internacionais.

O dia foi escolhido em razão de um acidente que matou 78 trabalhadores em uma mina no estado da Virgínia, nos Estados Unidos no ano de 1969. A Organização Internacional do Trabalho (OIT), desde 2003, consagra a data à reflexão sobre a segurança e saúde no trabalho... Continua

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 08:09
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




PF deflagra operação contra suspeitos de fraudar Previdência no Rio

A Justiça Federal de Nova Friburgo (RJ) expediu mandados de prisão e de busca e apreensão contra suspeitos de causar um prejuízo de cerca de R$ 500 mil reais à Previdência Social. A Operação Matuto foi deflagrada, nesta segunda-feira (27/4), pela Polícia Federal no Rio de Janeiro... Continua

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 07:52
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Para provar que as aposentadorias não tiveram perdas II

Esta cantilena de que as aposentadorias vem perdendo seu valor anualmente é uma falácia.

Estas perdas inflacionárias aconteceram até julho de 1994, depois desta data isto não ocorreu mais. O que tem acontecido é que os aposentados tem comparado, erroneamente, o reajuste de suas aposentadorias com o reajuste do salário mínimo.

Como as aposentadorias tem tido reajuste para recompor a inflação, ou seja, o seu valor de compra, enquanto o salário mínimo tem tido aumento real, acima da inflação, além da inflação do período.

Outros ainda comparam o valor do teto do INSS de quando aposentaram com o valor atual, mas esta diferença, entre o teto, de 07/1994, reajustado em 02/2009 (R$ 2.680,52) e o valor atual (R$ 3.218,90, desde 02/2009). Este valor é em virtude da EC (Emenda Constitucional) Nº 41/03 (a reforma do Lula) também ter dado um aumento real para este teto, passando em 31/12/2003 de R$ 1.869,34 para R$ 2.400,00, o que ampliou a cobertura da previdência pública.

O que a Constituição Federal prevê, no parágrafo 4º do artigo 201, é que está "Assegurado o reajustamento dos benefícios para preservar-lhes, em caráter permanente, o valor real, conforme critérios definidos em lei.", e isto está acontecendo.

Vejam na tabela abaixo: o valor anterior; os índices; a variação; e, os valores atuais. 

Valor Anterior

(em 07/1994)

Índice (correção/inflação)

Variação (percentual)

Valor atual

(02/2009)

R$ 70,00 ¹

Salário Mínimo¹

564,2857%

R$ 465,00

R$ 582,86 ²

Reajuste do INSS²

359,8909%

R$ 2.680,52

R$ 582,86

IGP-M (FGV)*

344,1642%

R$ 2.588,86

R$ 582,86

IGP-DI (FGV)*

340,6422%

R$ 2.568,33

R$ 582,86

IPC-BR (FGV)*

258,1760%

R$ 2.087,66

R$ 582,86

ICV (DIEESE)**

251,3075%

R$ 2.047,63

R$ 582,86

INPC (IBGE)*

248,5152%

R$ 2.031,36

R$ 582,86

IPC-A (IBGE)*

239,0657%

R$ 1.976,28

R$ 582,86

IPC-SP (FIPE)*

203,1430%

R$ 1.766,89

A solução para este impasse, entre o governo e os aposentados, é simples, vejam, o Governo, deu 12,04% para o salário mínimo e 5,92% para as demais aposentadoria, o que deu um ganho real de 6,12% para o salário mínimo, ou seja, um ganho em dinheiro, acima da inflação, de R$ 25,43.

A minha proposta é simples, era só ele dar o mesmo aumento para todos os aposentados, mas não em porcentagem como eles querem, mas em dinheiro, ou seja, em reais. 

E ainda tem outra alternativa, esta menos interessante, que é, o maior valor entre 5,92% ou R$ 50,00, com este tipo de reajuste, combinado com aumentos, as aposentadorias um pouco acima do mínimo nunca seriam alcançadas por ele.

Tenho certeza de que se esta proposta chegar ao presidente Lula ele aceitará na hora, o problema é que só tem acesso a ele quem quer, ou manter o atual sistema, ou o mesmo índice para todos.

É bom lembrar que o artigo 15 da lei 10887/04 determina que os reajustes das aposentadorias e pensões dos servidores públicos, que não tem paridade, também serão pelo mesmo índice do INSS, independente do valor, e ai o teto não é de apenas R$ 3.218,90 e sim de R$ 24.500,00.

Vejam também:

Falam que a Previdência está quebrada...

Para provar que as aposentadorias não tiveram perdas

Aposentadoria tem defasagem de 84% sobre mínimo

¹ Salário mínimo, valor em 07/1994 R$ 70,00

² Valor do teto do INSS em 07/1994 era R$ 582,86.

* Cálculo efetuado no site do Banco central: http://www4.bcb.gov.br/?CORRECAO

** Cálculo efetuado no site do DIEESE: http://turandot.dieese.org.br/bdicv/

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:21
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Administração deve indenizar servidor por demora em análise de aposentadoria

A Primeira Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) firmou entendimento no sentido de que a demora injustificada da Administração Pública para apreciar pedido de aposentadoria, obrigando o servidor a continuar exercendo compulsoriamente suas funções, gera o dever de indenizar... Continua

Meus comentários:

A Ementa: https://ww2.stj.jus.br/revistaeletronica/Abre_Documento.asp?sSeq=871038&sReg=200800913036&sData=20090416&formato=PDF

O meu entendimento é de que o agente público que deu causa a esta penalização, da administração ter que indenizar o administrado, também deve ser penalizado, com: a perda do cargo; confisco dos bens para ressarcimento do erário; e ainda, a inabilitação para ocupar outro cargo público por no mínimo 10 anos.

Pois tem casos em que o prefeito "segura" o processo de professora por mais de 7 anos, com as "explicações" mais absurdas possíveis, dentre elas, que "não tem outra para substituir", "tem que comer na minha mão", "adversário meu é no 'purrete'" e outras aberrações do gênero.

Temos ainda, em diversas repartições públicas, "os criadores de dificuldades para vender facilidades". Muitos “gerentes” e "chefes" se perpetuam no cargo, exatamente porque sabem fazer este "jogo", muitos fazem isto exatamente com a finalidade da pessoa "procurar um político", e só após esta interferência lhe conceder o benefício. E este político para lhe "agradecer" o "segura" nesta função.

O segurado acaba tendo a impressão de que alguém lhe deu algo e não o contrário, que lhe retiraram um direito liquido e certo, quando lhe dificultaram, propositalmente ou por incompetência, a concessão do seu direito.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 08:01
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Divisor mínimo não está limitado à quantidade de contribuições à Previdência

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) definiu hipóteses para a fixação do divisor mínimo no cálculo de aposentadorias de filiados à Previdência Social antes de 29 de novembro de 1999. Nessa data, passou a viger a lei que instituiu o fator previdenciário no cálculo das aposentadorias e ampliou-se o período de apuração dos salários de contribuição... Continua

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 07:36
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Aposentadoria especial a servidores 

STF permite aplicação de lei da Previdência Social para concessão de aposentadoria especial a servidores

Nesta quarta-feira (15), o Supremo Tribunal Federal (STF) permitiu que pedidos de aposentadoria de servidores públicos que trabalham em situação de insalubridade e de periculosidade sejam concedidos de acordo com as regras do artigo 57 da Lei 8.213/91, que regulamenta a aposentadoria especial de celetistas. Os pedidos devem ser analisados caso a caso e dependem de o interessado provar que cumpre os requisitos legais previstos para a concessão do benefício... Continua

Meus comentários:

Perfeitíssima, esta medida do STF é mais que perfeita, ela é justa, como aliás deveriam ser todas as decisões judiciais, ela também é tecnicamente um avanço, do ponto de vista previdenciário, enfim, vai salvar muitas vidas, pois a falta de aposentadoria especial em algumas categorias, como é o caso dos trabalhadores da saúde, é cruel, pois grande parte destes trabalhadores acabavam aposentado por invalidez ou mesmo morrendo antes de completarem o tempo para se aposentarem por tempo de contribuição ou idade.

.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 23:31
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Anapar apresenta propostas ao Senador Mercadante

No último dia 15 de abril, diretores da Anapar estiveram reunidos com o Senador Aloísio Mercadante (PT-SP) para apresentar propostas de modificações no Projeto de Lei de sua autoria (PLS77), que altera alguns aspectos de governança dos fundos de pensão. No projeto de lei há alguns pontos positivos, como a estabilidade no emprego para os conselheiros deliberativos das entidades patrocinadas por empresas públicas e a exigência de que sejam participantes de plano de benefícios administrado pela entidade, ao lado de pontos negativos, como o fim da representação dos participantes no Conselho Fiscal... Continua

Meus comentários:

"De boas intenções o inferno está ladrilhado" Karl Marx.

A intenção do Senador pode até ser boa, mas a proposta dele é horrível, fui ao X Congresso da ANAPAR especialmente para discutir esta questão.

Participei da discussão de cada item que foi aprovado neste congresso e que foi apresentado ao Senador.

Tem alguns itens da propostas dele, o Senador, que são simplesmente absurdas, que se forem aprovadas joga por terra uma parte significativa das conquistas duramente conquistada em anos de luta.

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 23:22
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Palestra na Católica

Amanhã, sexta-feira, farei a palestra de encerramento da SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho) da UCG (Universidade Católica de Goiás). Será às 10h no auditório da reitoria, na área IV.

Não esqueçam, hoje, quinta-feira, também é dia* de falarmos de previdência.

Rádio Aliança (AM 1.090). Também na Internet: www.alianca.am.br

*Dia: terça e quinta.

Horário: das 14:30h às 15:30h.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 06:55
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Geração bossa nova tem o desafio de trilhar novos caminhos

Ouça o comentário de Max Gehringer

Meus comentários:

Recebi este comentário, do Max Gehringer comentarista da Rádio CBN, achei interessante e resolvi compartilhar.

Fiquei imaginando:

Será que este ouvinte fez um planejamento previdenciário? 

Se o fez, como foi feito?

Como será que está a situação previdenciária deste homem de 61 anos, citado no comentário?

Aproveito para lhe perguntar:

Como está seu planejamento previdenciário?

Ficará satisfeito no futuro apenas com as lamúrias?

Tem muita gente que hoje xingam o INSS e o governo, mas não tem coragem de admitir que foram imprevidentes, que sonegaram o pagamento do INSS, ou mesmo, que acreditou que aposentadoria era uma coisa muito distante, e o tempo passou muito rápido, e hoje já não tem mais a mesma vitalidade e também a mesma empregabilidade de outrora.

Lembrei da frase "...previdência é para os jovens e aposentadoria para os idosos que foram previdente.", que escrevi em "Meus comentários" no post, O tempo é implacável.

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 00:24
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Ministro critica decisão do STF que mantém emprego de aposentados
O ministro da Previdência Social, José Pimentel, criticou a decisão do Supremo Tribunal Federal, que declarou inconstitucional, em outubro 2006, a lei que considerava extinto o contrato de trabalho do empregado que se aposentasse. Pimentel participou de audiência pública na Comissão de Seguridade Social e Família, encerrada há pouco. Continua

Meus comentários:

Concordo com o ministro.

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 00:23
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




  
 
 
 
 
 
 
 
 

A ABIPEM está lançando o curso de qualificação para gestores de ativos financeiros dos Regimes Próprios de Previdência Social (RPPS). E você pode acompanhar tudo por meio da TV ABIPEM (www.abipem.org.br), nos dias 15 e 16 de abril das 08h00 às 18h00.

Quarta-feira, dia 15/04, haverá a transmissão da aula referente ao assunto "Economia e Finanças" com o professor Carlos Fernando - Mestre em Administração de Empresas pela Universidade Estácio de Sá (UNESA)

Para o dia 16/04, quinta-feira, a programação tem o professor Edevaldo Fernandes - Economista, Pós graduado em Banking pela Universidade Mackenzie e Mestre pelo Centro Universitário Álvares Penteado (UNIFECAP) - que ministra sobre o tema "Gestão do Passivo Previdenciário".

Está disponível no site da ABIPEM a pré-inscrição, com o preço por localidade que mais convier ao gestor, e assim que o local passar a receber o número mínimo de inscritos, será feito contato pessoal com cada um para determinar as condições e datas dos cursos, ou pela opção de curso a distância.

 
 

Meus comentários:

Este curso eu recomendo, ele é recomendado para todas as pessoas que pretendem entender um pouco mais de finanças.

Eu conheço o professor Edevaldo Fernandes, ele é muito bom, fala fácil, ou seja, ele traduz com facilidade toda esta linguagem do "economês" para o português, mas é o português que todos entendem.

 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 11:22
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Planos de Previdência não são boas opções para pequenos investidores

Comentários de Mauro Halfeld para a CBN.

Clic aqui para ouvir o áudio

Meus comentários:

Depois de ouvir o comentário de Mauro Halfeld na CBN (acima), leiam também, a reportagem e "Meus comentários" nos links (abaixo).

Isto não é bom negócio para os pequenos investidores e muito menos para os grandes, estes nem passam perto destas porcarias. É o que venho falando nas minhas aulas e palestras a muitos anos, pena que escrevendo seja a apenas um ano, mas o suficiente para os que são mais assíduos, aqui no blog, vejam e comparem. Estes tais PGBs/VGBLs são umas verdadeiras "latadas".

Quanto a orientação para procurarem as associações e sindicatos antes de investir em previdência privada, acredito que como foi o Mauro Halfeld, que é colunista da Revista Época e comentarista da CBN, quem está recomendando, talvez agora as pessoas se interessam pelos planos instituídos, tipo OABPrev, CROprev, CRAprev, IBAprev e o ANAPARPREV, que foi criado pela ANAPAR e é administrado pela PETROS, o Fundo de Pensão da Petrobrás.

http://jesusprev.zip.net/arch2008-04-01_2008-04-30.html#2008_04-21_01_27_40-129422711-0 Resumido

http://jesusprev.zip.net/arch2008-08-01_2008-08-31.html#2008_08-30_14_36_33-129422711-0 Mais detalhado 

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:05
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Benefício reduzido pelo fator pode subir


O deputado federal Pepe Vargas (PT-RS), que é relator da proposta que acaba com o fator previdenciário, disse que quem se aposentou após novembro de 1999 e teve o valor do benefício reduzido por conta do fator previdenciário poderá ter um aumento, caso tenha completado, na época da concessão, a exigência do fator 85/95 --que vai substituir o redutor dos benefícios. Continua 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 01:28
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Condição de estudante universitário não prorroga pensão por morte depois dos 21 anos

O Poder Judiciário está vedado de garantir o benefício de pensão por morte até os 24 anos para estudantes universitários. Essa é a decisão da Turma Nacional de Uniformização da Jurisprudência dos Juizados Especiais Federais (TNU) proferida por unanimidade em sessão realizada nesta... Continua

Meus comentários:

O que eu tenho notado é que a dependência econômica dos filhos maiores de 21 anos é maior nas famílias de maior renda, pois os filhos daqueles que tem menor renda tem que começar a trabalhar ainda criança. Eram exatamente essas, as de maior renda, que acabavam conseguindo esta prorrogação, pois tinham condições de buscar judicialmente e até mesmo de fazer "pressões" para serem concedidas administrativamente. 

Esta questão das pensões precisa ser revisto, o artigo 60 da convenção 102 da OIT prevê que os estados exijam a prova de dependência econômica para a conceder pensões. Eu também entendo que não precisa ser a totalidade dos proventos do instituidor, pois a finalidade da pensão deve ser a de prover os dependentes na falta daquele que é o provedor.

Poderia sim ser prorrogada para até 24 anos, mas para isto teriam: que provar que a necessidade; que não tem patrimônio para dispor; e, deveria ser limitada ao teto do Regime Geral de Previdência Social.

Antes que venham me dizer, que com isto estaríamos tratando de forma desigual aqueles que tem maior renda e contribuem com a mesma alíquota, lembro-lhes, também é verdade que: os de maior renda tem expectativa de vida muito maior; se casam muito mais pela segunda vez, principalmente depois de sexagenários; também é ai que tem o maior índice de casamentos e adoções  previdenciárias (só para deixar pensão); e, também contribuem com a mesma alíquota.

Só lembrando, os casamentos de sexagenários são obrigatoriamente com separação de bens, isto para evitar o "golpe do baú", ou melhor, para proteger o patrimônio da família. É, parece estranho, mas o patrimônio dos idosos são considerados da família, dentre as muitas violências cometidas contra eles, esta é apenas mais uma. No entendimento dos familiares eles não teem de direito (de fato) ao seu patrimônio, "os idosos é que insistem em continuarem vivos", "em cima" do que deveria ser dividido logo ("em vida"), os genros já cunharam a célebre frase, "sogro rico é igual porco gordo, só dá lucro depois de morto". Bom, mas é o patrimônio público, como fica nestes casos? Com a palavra o judiciário e Ministério Público, de Goiás e do Rio Grade do Sul*.

Se as Previdências sociais não for assim, ou seja, solidárias, onde estará o seu caráter "Social"? Certamente não é com esta prática de Hobin Hood invertida que ela vai cumprir o papel que lhe foi destinado.

Estas fotos (abaixo) ilustram muito bem como são feitos alguns destes casamentos (retiradas de um ppt que recebi diversas vezes pela internet - editado por: vivian2004@bol.com.br).

Veja a noiva (está à direita), mas o amor (ao dinheiro) é lindo!



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 01:26
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




O "Jornal Hoje" fez uma série de reportagens sobre previdência

Que pena que o tempo destinado a este tema seja tão pouco, mas mesmo assim eu gostei, foram boas e esclarecedoras, o melhor de tudo foi ter fomentado o debate.

Abaixo estão os links para ver os vídeos e as reportagens, completas. 

Telespectadores tiram as dúvidas sobre a Previdência

(http://g1.globo.com/jornalhoje/0,,MUL1081019-16022,00-TELESPECTADORES+TIRAM+AS+DUVIDAS+SOBRE+A+PREVIDENCIA.html)

Jornal Hoje edição do dia 10/04/2009

Os brasileiros que entregam parte dos seus salários à Previdência todo mês querem saber de que forma vão usufruir desse dinheiro quando pararem de trabalhar.

 

Veja entrevistas exclusivas para o site do JH

(http://g1.globo.com/jornalhoje/0,,MUL1080974-16022,00-VEJA+ENTREVISTAS+EXCLUSIVAS+PARA+O+SITE+DO+JH.html)

Jornal Hoje edição do dia 10/04/2009

Assista aqui entrevistas com especialistas em INSS e Direito Trabalhista e Previdencialista

 

Revisão da aposentadoria

(http://g1.globo.com/jornalhoje/0,,MUL1079968-16022,00-REVISAO+DA+APOSENTADORIA.html)Vídeo

Jornal Hoje edição do dia 09/04/2009

valor da sua aposentadoria está correto? As leis são complicadas, confundem e muitas vezes o trabalhador cobra o que não tem direito. Em outras, poderia estar recebendo mais e nem sabe.

 

Pensão e Aposentadoria especial Vídeo  

(http://g1.globo.com/jornalhoje/0,,MUL1078152-16022,00-APOSENTADORIA+ESPECIAL.html)

Jornal Hoje edição do dia 08/04/2009

Esse benefício é concedido a maridos, esposas, crianças e até pais que dependem economicamente dos filhos e este para algumas categorias profissionais.

 

Nesta reportagem Faltou dizer:

Das consequências que podem vir com a conversão do tempo especial para comum, veja mais informações na Tabela do Fator Previdenciário;

que o servidor público ainda não tem este direito, embora esteja previsto na Contituição federal (parágrafo 4º do artigo 40); e,

mais um tanto de coisas.

 

Aposentadoria por invalidez Vídeo

(http://g1.globo.com/jornalhoje/0,,MUL1076767-16022,00-APOSENTADORIA+POR+INVALIDEZ.html)

Jornal Hoje edição do dia 07/04/2009

Para ter direito a aposentadoria por invalidez, a pessoa precisa ter contribuído pelo menos 12 meses com o INSS e é necessário passar por perícia médica. 

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 18:03
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Conselhos de segurança*
(de uma delegada de polícia)
.
IMPORTANTÍSSIMO!

Conselhos dirigidos às mulheres, mas válidos aos homens também!
 
Atenção, prevenção e prudência nunca são demais!

Devemos estar sempre atentas(os)!


1. Se um dia você for jogada dentro do porta-malas de um carro, chute os faróis traseiros até que eles saiam para fora, estique seu braço pelos buracos e comece a gesticular feito doida. O motorista não verá você, mas todo mundo verá.
Isto já salvou muitas vidas.

2. Os três motivos pelos quais as mulheres são alvos fáceis para atos de violência são:

a. Falta de atenção.
-Você TEM que estar consciente de onde você está e do que está acontecendo em volta de você.

b. Linguagem do corpo.
-Mantenha sua cabeça erguida,  e permaneça em posição ereta, jamais tenha uma postura "frágil".

c. Lugar errado, hora errada.
- NÃO ande sozinha em ruas estreitas, nem dirija em bairros mal-afamados à noite.

NUNCA FAÇA ISSO!

As mulheres têm a tendência de entrar em seus carros depois de fazerem compras, refeições, e sentarem-se no carro (fazendo anotações em seus talões de cheques, ou escrevendo em alguma lista, ou ainda conferindo
o ticket de compra).

NÃO FAÇA ISSO!

O bandido estará observando você, e essa é a oportunidade perfeita para ele entrar pelo lado do passageiro, colocar uma arma na sua cabeça, e dizer a você onde ir.

No momento em que você entrar em seu carro, trave as portas e vá embora, não fique ajeitando o cabelo, ou passando batom, ou retocando a maquiagem...

3. Algumas dicas acerca de entrar em seu carro num estacionamento ou numa garagem de estacionamento:

a. Esteja consciente: olhe ao redor, olhe dentro de seu carro, olhe no chão dianteiro e traseiro de seu carro, olhe no chão do lado do passageiro, e no banco de trás.

b.Se ao lado da porta do motorista do seu carro, estiver estacionada uma Van Grande, entre em seu carro pela porta do passageiro.
A maioria dos assassinos que matam em seqüência, atacam suas vítimas empurrando-as ou puxando-as para dentro de suas Vans na hora em que as mulheres estão tentando entrar em seus carros.

c. NUNCA deixe para procurar as chaves do seu carro, quando estiver parada  em frente a porta dele.

Diriga-se ao veículo com a chave em punho, pronta para abrir a porta e dar a partida. Observe os carros ao lado do seu.

Se uma pessoa do sexo masculino estiver sentado sozinho no assento do carona do carro dele que FICA mais próximo do seu carro, você fará bem em voltar  para o shopping, ou para o local de trabalho, e pedir a um
segurança ou policial para acompanhar você até seu carro.

É SEMPRE MELHOR ESTAR A SALVO DO QUE ESTAR ARREPENDIDO, não tenha vergonha de pedir ajuda.

4. Use SEMPRE o elevador ao invés das escadas. (Escadarias são lugares horríveis para se estar só, são lugares
perfeitos para um crime).

5. As mulheres, estão sempre procurando ser prestativas.

PARE COM ISSO!

Essa característica poderá resultar em que você seja assassinada!

Um assassino seqüencial, homem de boa aparência, com boa  formação acadêmica, declarou em seu depoimento que SEMPRE explorava a simpatia e o espírito condescendente das mulheres. Ele andava com uma bengala
ou mancava, e conseqüentemente pedia 'ajuda', para entrar ou sair de seu carro, e era nesse momento que ele raptava sua próxima vítima.

Durante o dia, ande de óculos escuros. O agressor nunca saberá para onde você esta olhando.

Celular: só em lugar seguro.

.

Meus comentários:

O que estas dicas de segurança tem a ver com a finalidade deste blog?

É que Previdência vem de prever, ver antes, ser prevenido, ser prudente, ou seja, tem antever os riscos para poder eliminá-los ou no mínimo mitigá-los, reduzir os os seus impactos.

Assim como corremos riscos da nossa segurança física no dia-a-dia, em especial na rua e no trabalho, também corremos o risco de perdermos a nossa capacidade laborativa, seja por uma invalidez ou pelo envelhecimento, e ainda podemos morrer (pensei num eufemismo mas decidi não usar), hora em poderemos ficar em situação de penúria ou então deixar aqueles que dependem economicamente do fruto do nosso trabalho desamparados.

Portanto, resolvi publicar este texto, que eu recebi por email, para relacioná-lo com o tema deste blog, e também porque achei o tema interessante, ou melhor, atualíssimo.

FELIZ PASCOA!!!
 
São os votos de
jesusprev.zip.net, "O blog do Jesus".
 
O nosso blog completou um ano e já ultrapassou a marca de 22.000 visitas.
 
Obrigado pelas visitas, críticas, comentários e principalmente pelas indicações que fizeram para os seus amigos o visitarem.

.
* Recebi este texto do meu amigo Hermes, por email. A autoria é desconhecida, falam que a mulher que elaborou estas recomendações é Diretora de uma Empresa de Segurança no Rio de Janeiro e foi aconselhada por uma delegada após registrar um Boletim de Ocorrência.

 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 13:18
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Fator: Extinção resultará em déficit de 11,09% do PIB

  
Cálculo pela média de 36 meses prejudica trabalhadores com salários menores. 

O ministro da Previdência Social, José Pimentel, afirmou na terça-feira (7), em audiência pública na Câmara dos Deputados, que se o projeto de lei nº 3.299/08, que propõe a extinção do fator previdenciário, for aprovado pela Câmara com a redação dada pelo Senado Federal, o déficit do Regime Geral de Previdência Social em 2050 será o equivalente a 11,09% do Produto Interno Bruto (PIB)... Continua
.
Meus comentários:
. 

O ministro tem razão.

Leiam mais:

Audiência debaterá projeto que extingue fator previdenciário

(http://jesusprev.zip.net/arch2009-03-01_2009-03-31.html#2009_03-24_01_35_51-129422711-0)

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 21:59
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Ipesp: Estado pede extinção de carteira de advogados

  O governo de São Paulo enviou ontem à Alesp proposta de extinção da carteira dos advogados do Estado. Embora não sejam servidores públicos, a gestão de aposentadorias e pensões de uma carteira exclusiva da categoria, com 35.626 participantes, é responsabilidade do Ipesp (Instituto de Previdência de São Paulo)... Continua
 

Meus comentários: 

O Governador José Serra está corretíssimo, é isto que a lei prevê, ou seja, a extinção, não tem que gastar dinheiro público com aposentadoria de advogados.

Porque que eles não vão para a OABPrev? Lá é dez vezes mais caro, mas não é porque a OABPrev seja ruim, é simplesmente porque lá não tem a subsídio público.

Parabéns para o Governador.

Nesta eu estou com ele e não abro.

Leiam mais:

Ipesp: Entidades chegam a proposta de consenso

http://jesusprev.zip.net/arch2009-03-01_2009-03-31.html#2009_03-04_09_07_22-129422711-0

Ipesp: Extinção atingirá 37 mil advogados

http://jesusprev.zip.net/arch2009-02-01_2009-02-28.html#2009_02-14_18_02_09-129422711-0

 

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 21:41
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Segurado pode desistir da aposentadoria

O segurado pode, a qualquer momento, desistir do pedido de aposentadoria, desde que não saque o primeiro benefício depositado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), nem os recursos do FGTS ou do PIS. Em caso de desistência, o processo de requerimento do benefício já concedido será arquivado, e o segurado poderá aguardar a data que melhor lhe convier para entrar com novo requerimento de aposentadoria... Continua

Meus comentários:

Leiam também:

Desistir da aposentadoria fica mais fácil



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 11:41
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Desistir da aposentadoria fica mais fácil

O trabalhador pode desistir da aposentadoria a qualquer momento. O Decreto 6.208, publicado ontem no Diário Oficial da União, acaba com o prazo de 30 dias para que o segurado da Previdência Social abra mão do benefício após ele ser concedido. No entanto, essa possibilidade só vale caso o trabalhador não saque o primeiro pagamento depositado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), nem o dinheiro do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) ou do PIS. É por meio do saque que é confirmada a aposentadoria... Continua

Meus comentários: 

Esta decisão foi perfeita.

Estou publicando, novamente, porque tem muita gente que continua com a crença de que o prazo ainda é de apenas um mês.

Tem um projeto para alteração do "Fator Previdenciário" tramitando no Congressso Nacional, portanto, as pessoas que tem direito a se aposentarem, poderão requerer e aguardar para ver como ficará a situação após as alterações que serão feitas na lei que criou o fator (Lei 9876/99).

Tem mais, em muitas empresas ao se aposentar os riscos de serem demitidos aumentam, mas os aposentados que forem demitidos sem "justa causa" também tem direito de receber a multa de 40% sobre o fundo de garantia. 

O Decreto na íntegra:

DECRETO Nº 6.208 - DE 18 DE SETEMBRO DE 2007 - DOU DE 19/9/2007 

Dá nova redação ao parágrafo único do art. 181-B do Regulamento da Previdência Social, aprovado pelo Decreto no 3.048, de 6 de maio de 1999. 

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84, inciso IV, da Constituição, e tendo em vista o disposto nas Leis nos 8.212 e 8.213, de 24 de julho de 1991, 

DECRETA: 

Art. 1o  O parágrafo único do art. 181-B do Regulamento da Previdência Social, aprovado pelo Decreto no 3.048, de 6 de maio de 1999, passa a vigorar com a seguinte redação: 

“Parágrafo único.  O segurado pode desistir do seu pedido de aposentadoria desde que manifeste esta intenção e requeira o arquivamento definitivo do pedido antes da ocorrência do primeiro de um dos seguintes atos: 

I - recebimento do primeiro pagamento do benefício; ou

II - saque do respectivo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço ou do Programa de Integração Social.” (NR)

Art. 2o  Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. 

Brasília, 18 de setembro de 2007;186o da Independência e 119o da República. 

LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA
Luiz Marinho

Fonte:  http://www3.dataprev.gov.br/SISLEX/paginas/23/2007/6208.htm.

Para entender melhor o "Fator previdenciário":

Aposentadoria por invalidez é a única reversível
 
Ministro discutirá fator previdenciário em audiência pública
 
Saiba como o Fator Previdenciário interfere no cálculo de sua aposentadoria



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 11:29
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




DISCURSO – ALCIONE BARSANULFO DA SILVA*

ASSEMBLÉIA EXTRAORDINÁRIA DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

08 DE ABRIL DE 2009

NA QUALIDADE DE REPRESENTANTE DOS EMPREGADOS DA CELG, ENCAMINHO OS VOTOS DE BOAS-VINDAS AO NOSSO PRESIDENTE, ENGENHEIRO CARLOS SILVA.

RECONHECEDORES DO EMPENHO DE OUTROS PRESIDENTES E DIRETORES PARA A RECUPERAÇÃO DESTA EMPRESA, NOTADAMENTE NO PERÍODO DO GOVERNADOR ALCIDES RODRIGUES, QUE NÃO TEM MEDIDO ESFORÇOS PARA QUE A CELG SEJA SANEADA E MANTIDA SOB O CONTROLE DA POPULAÇÃO GOIANA, ESPERAMOS ENCONTRAR NESSE NOVO COMPANHEIRO DE TRABALHO: ENERGIA, DETERMINAÇÃO E DISCERNIMENTO, MEDIDAS NECESSÁRIAS PARA QUE SEJAMOS VITORIOSOS NESSA EMPREITADA.

A HISTÓRIA DA CELG CONFUNDE-SE COM A PRÓPRIA HISTÓRIA DO DESENVOLVIMENTO DE GOIÁS E, ATUALMENTE, TEM PROVOCADO GRANDE APREENSÃO NA POPULAÇÃO DO ESTADO, QUE SE MANIFESTA DE TODAS AS FORMAS PARA QUE OS DIRIGENTES DESTA EMPRESA ENCONTREM UMA MANEIRA DE VIABILIZAR SUA RECUPERAÇÃO.

NESTE MOMENTO DE TRANSIÇÃO, HONRADO PELA TITULARIDADE QUE OCUPO NESTE CONSELHO, TENHO TAMBÉM QUE RESSALTAR UMA OUTRA HISTÓRIA QUE SE VINCULA À DA CELG: A HISTÓRIA DE SEUS EMPREGADOS. ESTES, AO LONGO DE MAIS DE 50 ANOS, E SOB O PESO DE VÁRIAS DECISÕES POLÍTICAS, POR VEZES NÃO MUITO BEM PLANEJADAS, SEMPRE SE COMPROMETERAM COM ESTA EMPRESA, MESMO COM TUDO QUE ENFRENTAMOS, MOMENTOS BONS E RUINS. ESTES MESMOS EMPREGADOS QUE CONTRIBUÍRAM E VÊM CONTRIBUINDO COM SERVIÇOS DE QUALIDADE, MANTENDO A MESMA REGULARIDADE DE ATENDIMENTO, COM SOLUÇÕES CRIATIVAS QUE COMPENSAM AS LIMITAÇÕES IMPOSTAS À NECESSIDADE DE INVESTIMENTO.

PORTANTO, É ESTA HISTÓRIA CONJUNTA, SENHOR PRESIDENTE, HISTÓRIAS DE GOIÁS, DA CELG E DE SEUS EMPREGADOS, QUE QUEREMOS QUE SEJA RECONHECIDA.

ENGENHEIRO CARLOS SILVA, AQUI O SENHOR É RECEBIDO DE BRAÇOS ABERTOS E COM MUITA ESPERANÇA. TENHO CERTEZA DE QUE PODERÁ CONTAR COM UM VALIOSO CONJUNTO DE CONHECIMENTOS E CULTURA DO SETOR ELÉTRICO, MOLDADO COM DEDICAÇÃO, EMPENHO E DETERMINAÇÃO DE MUITOS.

TODOS NÓS ALMEJAMOS UMA SOLUÇÃO PARA OS PROBLEMAS ORA ENFRENTADOS E ESTAMOS DISPOSTOS A CONTRIBUIR MAIS UMA VEZ, EMBASADOS NA NOSSA EXPERIÊNCIA, DA FORMAÇÃO QUE AQUI OBTIVEMOS, NOS ESTUDOS E APERFEIÇOAMENTOS LEVADOS A EFEITO COM MUITO SACRIFÍCIO INDIVIDUAL, NA CONVIVÊNCIA E APRENDIZAGEM COM EXCELENTES TÉCNICOS.

UMA PREOCUPAÇÃO NO ENTANTO, MERECE SER RESSALTADA PELO SENTIMENTO DE FRAGILIDADE QUE SE APOSSA DE MUITOS TRABALHADORES, EM MOMENTOS DIFÍCEIS COMO O ATUAL. SENHOR PRESIDENTE, EM ALGUMAS ENTREVISTAS CEDIDAS PELO SENHOR, FORAM CITADOS PARCEIROS PARA O SOERGUIMENTO DA CELG, COMO OS CONSELHEIROS E DIRETORES, QUE SÃO DE MUITA VALIA PARA A EMPRESA, ASSIM COMO SEUS EMPREGADOS. PORÉM, QUEREMOS RESSALTAR A FORÇA DE TRABALHO DESTA EMPRESA, DESSE ESFORÇO QUE EXIGE A DEDICAÇÃO DE TODOS. PORTANTO, REAFIRMAMOS A DISPOSIÇÃO DOS EMPREGADOS EM PARTICIPAR COM MUITO ESPÍRITO DE LUTA DESTA MISSÃO, COMO COMPONENTES DE UM CONJUNTO DE FORÇAS VIVAS QUE FARÁ TUDO QUE ESTIVER AO SEU ALCANCE PARA QUE A CELG REASSUMA O PAPEL DE PRINCIPAL FOMENTADORA DO DESENVOLVIMENTO DE GOIÁS.

ESPERO, AO FINAL DESSA GESTÃO QUE SE INICIA E, SE DEUS QUISER, JÁ COM A CELG RESTABELECIDA DAS ATUAIS AGRURAS POR QUE PASSA, PODER DESTACAR SEU ESFORÇO E DEDICAÇÃO, DA MESMA MANEIRA QUE AQUI O FAÇO EM RELAÇÃO AO ADVOGADO ENIO BRANCO, QUE MOLDOU UMA TRAJETÓRIA DE RECUPERAÇÃO PARA ESTA EMPRESA E PARTE AGORA PARA NOVOS DESAFIOS, LEVANDO O RECONHECIMENTO DA COMUNIDADE CELGUEANA.

ENFIM, SENHOR PRESIDENTE, SENHORES CONSELHEIROS, MANIFESTO A INTENÇÃO DE APOIO DOS EMPREGADOS ÀS MEDIDAS QUE TRAGAM A IMPRESCINDÍVEL SAÚDE FINANCEIRA À CELG, QUE ENTENDO SER DE DIFÍCIL EXECUÇÃO, MAS QUE TAMBÉM TRAGAM JUSTIÇA E LUCIDEZ EM SEU BOJO E QUE NÃO PASSE DESAPERCEBIDO OS ANSEIOS DAQUELES QUE MUITO CONTRIBUÍRAM E AINDA TÊM MUITO A CONTRIBUIR PARA A CONSTRUÇÃO DA CELG DE TODOS OS GOIANOS.

MUITO OBRIGADO.

 

Meus comentários:

Parabéns!!!

"Aos que Hesitam

Você diz:

Nossa causa vai mal.
A escuridão aumenta. As forças diminuem.
Agora, depois que trabalhamos por tanto tempo
Estamos em situação pior que no início.

Mas o inimigo está aí, mais forte do que nunca.
Sua força parece ter crescido. Ficou com aparência de invencível.
Mas nós cometemos erros, não há como negar.
Nosso número se reduz. Nossas palavras de ordem
Estão em desordem. O inimigo
Distorceu muitas de nossas palavras
Até ficarem irreconhecíveis.

Daquilo que dissemos, o que é agora falso:
Tudo ou alguma coisa?
Com quem contamos ainda? Somos o que restou, lançados fora
Da corrente viva? Ficaremos para trás
Por ninguém compreendidos e a ninguém compreendendo?

Precisamos ter sorte?

Isso você pergunta. Não espere
Nenhuma resposta senão a sua.
"

Bertold Brecht

*ALCIONE BARSANULFO DA SILVA É REPRESENTANTE DOS EMPREGADOS DA CELG NO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

 

 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 10:20
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Link para a Celgmed

Com um atraso imperdoável de um ano, agora o meu blog tem um link para a  Celgmed, a Caixa de Assistência à Saúde dos Empregados da CELG

Foi meu amigo Adalberto, o presidente da Celgmed, quem descobriu este erro no meu blog, que é a falta do link para a Celgmed.

Ele tem toda razão, embora tenha sido um esquecimento, não tive esta intenção, devo e peço, a ele e aos meus colegas da CELG, mil desculpas. Aproveito também para agrader o meu amigo Adalberto pela crítica!

Façam como o Adalberto, mande as críticas, pois elas são fundamentais para melhorar o meu trabalho e especialmente este blog.

 

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 09:08
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Previdencia: os benefícios dos dependentes + Aposentadorias especiais

O benefício é concedido a maridos, esposas, crianças e até pais que dependem economicamente dos filhos e para algumas categorias profissionais.

No Brasil, mais de seis milhões de pessoas recebem pensão por morte. Tem direito a esse benefício os dependentes de um aposentado que morre... Continua

Meus comentários:

Mais uma reportagem de uma série que o "Jornal Hoje" está apresentando, esta semana, sobre previdência.

Faltou eles dizerem:

Das consequências que podem vir com a conversão do tempo especial para comum, veja mais informações na Tabela do Fator Previdenciário;

que o servidor público ainda não tem este direito, embora esteja previsto na Contituição federal (parágrafo 4º do artigo 40); e,

mais um tanto de coisas.

Mesmo assim eu gostei, pois fomenta o debate.

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 08:28
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




.

Aposentadoria por invalidez é a única reversível

Para ter direito a aposentadoria por invalidez, a pessoa precisa ter contribuído pelo menos 12 meses com o INSS e é necessário passar por perícia médica.

A partir de hoje nós vamos exibir uma série de reportagens que interessa a todos os trabalhadores brasileiros. O Jornal Hoje vai falar sobre aposentadoria. Quem tem direito e a partir de quando. 

Na primeira reportagem da série, vamos falar sobre aposentadoria por invalidez -a única que é reversível e pode ser cortada se o beneficiário voltar a trabalhar... Continua

Meus comentários 

Tomara que todas as reportagens desta série do "Jornal Hoje" sejam tão boas e esclarecedoras como esta.

Vejam em "Nova Aposentadoria" (http://jesusprev.zip.net/arch2008-10-01_2008-10-31.html#2008_10-27_18_50_02-129422711-0) que existe a possibilidade de desaposentar.

Vejam o vídeo da reportagem no link acima.

.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:50
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Relator diz a ministro da Previdência que rejeita média curta

O relator do Projeto de Lei 3299/08, deputado Pepe Vargas (PT-RS), reafirmou que vai propor a rejeição da média curta prevista na proposta - a base de cálculo das aposentadorias do regime do INSS passaria a ser a média dos últimos 36 salários, em um período máximo de 48 meses anteriores ao pedido do benefício... Continua

 

jesusprevidencia@hotmail.com



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:34
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Hoje, terça-feira, é dia* de falarmos de previdência.

Rádio Aliança (AM 1.090). Também na Internet: www.alianca.am.br

*Dia: terça e quinta.

Horário: das 14:30h às 15:30h.

 

Também é dia de reunião do Fórum de Defesa da CELG, no auditório Floriano do Ó, às 16h.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 02:22
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Ministro discutirá fator previdenciário em audiência pública

A Comissão de Finanças e Tributação realiza audiência pública nesta terça-feira (7) para discutir o projeto que extingue fator previdenciário (PL 3229/08) com o ministro da Previdência, José Pimentel. O fator é um cálculo aplicado às aposentadorias que reduz o benefício de quem se aposenta por tempo de serviço e não por idade... Continua
.
.
Agência Câmara promove chat com relator do fator previdenciário
.
Foto: J. Batista
Em seu substitutivo, Pepe Vargas troca
o fator previdenciario por uma nova
fórmula de cálculo das aposentadorias.
.

A Agência Câmara realiza na quarta-feira (08/04), às 10 horas, bate-papo pela internet com o deputado Pepe Vargas (PT-RS). Ele é o relator do Projeto de Lei 3299/08, do Senado, que extingue o fator previdenciário como elemento para calcular o que o aposentado deve receber de benefício... Continua

Meus comentários 

Continuo com a tese de o Fator Previdenciário é melhor que  idade mínima, o que lhe falta é um ajuste, vejam:

Fator previdenciário sofrerá alteração a pedido do governo

Audiência debaterá projeto que extingue fator previdenciário

.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 02:09
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Grávidas que não contribuem para o INSS não fazem jus ao salário-maternidade
16/02/2005

Os ministros que integram a Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça (STJ) cassaram os efeitos de decisão da Justiça Federal de Niterói, Estado do Rio, que concedia às grávidas o direito ao salário-maternidade mesmo que não contribuam para a Previdência Social. Os ministros acompanharam o voto do presidente do STJ, ministro Edson Vidigal, relator desse processo, que considerou que a medida causaria "danos financeiros" aos cofres previdenciários... Continua

Meus comentários 

Vejam a resposta que o Governo Lula deu a esta questão, passou apenas 4 meses: 

Mães desempregadas terão direito a salário-maternidade

15 de junho de 2007

Mulheres grávidas desempregadas terão direito a salário-maternidade. 

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou nesta quarta-feira um decreto que estende o pagamento do salário-maternidade a seguradas que foram demitidas, seja por pedido próprio ou por justa causa, ou que deixaram de contribuir à Previdência Social. O decreto foi publicado hoje no Diário Oficial da União...
Continua



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 08:52
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




STJ decide que amante não tem direito a dividir pensão com esposa

O STJ (Superior Tribunal de Justiça) negou a uma amante o direito ao recebimento de pensão por morte de segurado legalmente casado. A 6ª Turma do STJ reformou acórdão do TRF-5 (Tribunal Regional Federal da 5ª Região) que entendeu que a pensão deveria ser rateada entre a viúva e a amante, diante da demonstrada dependência econômica da companheira... Continua

 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 23:45
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Fator previdenciário sofrerá alteração a pedido do governo

Aprovado no Senado a contragosto do governo, o projeto que acaba com o fator previdenciário (PL 3.299/08) está em intensa negociação na Câmara. O relator da matéria, deputado Pepe Vargas (PT-RS), articula alterações na proposta e garante que avançou em alguns pontos. Entre eles, Vargas afirma que o ministro da Previdência, José Pimentel, aceita discutir a fórmula 95/85 - onde a soma da idade e do tempo de contribuição, sendo 95 para os homens e 85 para as mulheres, eliminaria o cálculo pelo índice atual e daria ao trabalhador o direito a aposentadoria integral...  Continua

Meus comentários

Faço parte desta terceira corrente, que é minoritária, e tenho uma alternativa para esta situação, vejam os "Meus comentários" em:

Audiência debaterá projeto que extingue fator previdenciário



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 18:59
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




CELG: Se você não disser NÃO, alguém vai passar a mão!

 

 A diretoria do Stiueg entregou no início da manhã de hoje (2), na porta da Celg, um boletim informativo a respeito da crise na Companhia. O boletim convoca toda a categoria a participar de uma Assembleia na próxima quarta-feira (8), às 8h, em frente ao Edifício Gileno Godói, para discutirmos os problemas da empresa e planos de ação. TODOS estão convocados, seus empregos estão em risco!

 

Meus comentários:

O boletim do meu sindicato, o STIUEG, voltou a ser "O Boletim do STIUEG", pois a muito tempo ele tinha "a cara" do PSTU e do Psol, não falava da realidade dos trabalhadores da CELG.

Com uma certa demora, acredito eu, a direção do STIUEG acordou para agravidade dos perigos que ronda a empresa, e consequentimente o patrimônio dos Goianos e os empregos de milhares de trabalhadores(as).

O boletim distribuído nesta manhã, faz um diagnóstico preciso da situação e propõe a discussão de saídas para a atual crise, soluções estas que também estão sendo procuradas por um grupo de pessoas dentro da empresa, com a criação do Fórum de Defesa da CELG.

Assim que conseguir "O Boletim do STIUEG" em meio eletrônico ele será publicado aqui.

Bom, mas o que tudo isto tem a ver com finalidade deste blog?

Para entender , leiam os postes abaixo, em especial os "Meus comentários":

Falência do Lehman Brothers derruba bolsas pelo mundo

Em defesa da Celg

Literalmente, a "privatização do Banco Central"

Enersul tem a menor aprovação em oito anos

Goiasprev: Risco de falta de recurso

Celg na rede II

CELG NA REDE III

 



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 11:41
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Em Goiás, manifestantes pedem fim de ingerências políticas na Celg

 

31/3/2009 Gabriella Gouvêa (Estagiária em Jornalismo)

 

Membros de diversas centrais sindicais do Estado realizaram na manhã desta segunda-feira, dia 30 de março, uma manifestação contra a crise econômica mundial. O protesto fez parte do Dia Nacional de Lutas, um movimento que aconteceu em diversas capitais brasileiras e reivindicou soluções para as demissões causadas pelos problemas financeiros do mundo todo.

No caso específico de Goiás, os manifestantes pediam ainda solução para a crise econômica vivida pelas empresas Celg. Segundo João Maria de Oliveira, um dos diretores Administrativos do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias Urbanas do Estado (Stiueg), a reivindicação é de que o governo de Goiás busque recursos junto ao governo federal para solucionar a inadimplência.

Além disso, eles pedem o fim das terceirizações, realização de concursos públicos para admissão de novos funcionários, e, ainda, mecanismos que permitam criar uma espécie de “blindagem” na empresa, evitando assim ingerências políticas. “Essas medidas iriam, além de estancar o atual déficit financeiro, sinalizar novos rumos para a empresa daqui por diante”, finalizou o diretor do Stiueg. A abertura de uma CPI para investigar as origens da atual dívida da empresa também é reivindicada pelos manifestantes.

O ato, que reuniu cerca de 1200 pessoas, teve inicio às 9 horas na Praça do Trabalhador. Em seguida, eles percorreram o Eixo Anhanguera e, depois de uma parada em frente à Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg), o protesto terminou, por volta do meio-dia, em frente ao Palácio do Governo. Segundo João Maria, os manifestantes esperavam ser recebidos pelo governador Alcides Rodrigues, mas isso não aconteceu.

Além de membros do Stiueg, também participaram do ato representantes da Coordenação Nacional de Lutas (Conlutas), Central Única dos Trabalhadores (CUT) e da Força Trabalhista.

Brasil afora

Em São Paulo, as manifestações tiveram inicio na Avenida Paulista e, segundo dados da Policia Militar, estima-se que cerca de 4 mil pessoas estiveram presentes. Já na capital federal, o protesto começou em frente à sede do Banco Central e teve, como um dos pontos de parada dos manifestantes, o Ministério do Trabalho. Cerca de 2 mil pessoas participaram.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 11:21
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Amanhã, Quinta-feira, é dia* de falarmos de previdência.

Rádio Aliança (AM 1.090). Também na Internet: www.alianca.am.br

*Dia: terça e quinta.

Horário: das 14:30h às 15:30h.

.


Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:45
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Voltei

Tenho recebido muitas reclamações dos internautas, pelo fato de não estar escrevendo com a mesma frequência com que eu sempre escrevi aqui no blog.

Vou explicar, embora eu sei que não justifica, é que estive em Campo Grande, Salvador e Macapá, tudo agora no final deste mês de março; nesta semana tem mais um curso de "Noções de Básicas de Previdência" na Escola de Governo que só termina na sexta, onde sou um dos monitores; começo a última etapa de um curso da CUT, também na sexta; tem o programa na Rádio Aliança; e, esta semana está tudo muito tumultuado na CELG, empresa onde trabalho. 

Quando junta tudo isto com a quantidade de email que tenho para responder, só perguntas são mais de 50, que tenho respondido apenas as mais simples e deixado as mais complicadas para depois, portanto o tempo tem sido muito pouco.

Para complicar ainda mais, teve a saída do Presidente da CELG e a preocupação com quem seria o próximo, que felizmente já foi escolhido, é o Deputado Carlos Silva, que eu particularmente achei uma boa escolha, mais uma vez o Governador acertou.

Mas me esforçarei para manter a regularidade das publicações aqui no blog.

Estou precisando publicar um punhado de coisas que aconteceram e estão acontecendo:

Sobre o Seminário da FETEMS em Campo grande, em especial dos problemas enfrentados pelos servidores públicos municipais onde os municípios não criaram as unidades gestoras do Regime Próprio de Previdência dos Servidores Públicos;

Sobre o Congresso da Anapar;

Sobre o Projeto do Senador Aloísio Mercadante;

Mais capítulos sobre a novela do Fator Previdenciário;

e, do Seminário de Macapá, no Amapá, adianto apenas que foi muito bom.



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:44
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]




Forum de Defesa da CELG

Um grupo de empregados da CELG tomaram a iniciativa de  criar um Fórum de Defesa da CELG, forum este que começou com 34 pessoas e já passam de 50 o número dos signatários, já publicou uma carta aberta e tem uma série de ações programadas. Acompanhe aqui ou no endereço eletrônico do Fórum as próximas atividades.

Para ampliar clic aqui ou na carta



Escrito por Jesus Divino barbosa de Souza às 22:13
[   ] [ envie esta mensagem ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]

Contribuir com o blog?
Clique Aqui!

 

Quer baixar a Tabela de Cálculos do Fator Previdenciário 2014? Clique Aqui!


 

 

Jesus Divino

Pais: BRASIL

Estado: Goiás

Cidade: Goiânia

Sexo: Masculino

Idade: 50 anos

Idiomas: Português e Espanhol

Este blog tem a finalidade de ser um instrumento de discussão previdenciária, para evitar que os trabalhadores tomem prejuízos na hora de se aposentarem, principalmente porque entre ter direito de aposentar e ser o melhor momento tem muita diferença, portanto aqui você encontrará comentários sobre previdência do servidor público, previdência privada - fundo de pensão, planejamento previdenciário de segurados do INSS e de RPPS e especialmente de empregados da CELG e servidores do Estado de Goiás.

 

Histórico
Outros sites
  Página no Twitter
  Página no Facebook
  Esta página em RSS
  Tabela do Fator - 2010
  ABIPEM
  ANAPAR
  AnaparPrev (Simulador)
  ANEPREM
  APIMEC
  AspPrev
  Blog Classe média, way of life
  Blog da Cidadania
  Blog da Silmara Londucci
  Blog de Um Sem Mídia
  Blog de André oliveira
  Blog do Artur Henrique CUT
  Blog do Beto Veiga
  Blog do Cabresto sem nó
  Blog do Castagna Maia (In memóriam)
  Blog do Célio
  Blog do Dep. Cleber Verde
  Blog do Dep. pepe vargas
  Blog do João Maria
  Blog do Jorge Félix
  Blog do Tião Neto
  Blog do Tophe
  Blog Eleitos da Previ
  Blog PREVIC Já
  Cacelg
  CD Consultoria
  CELG
  Celgmed
  Conexão Sindical
  ConsultâniaPrev
  Dicionário de Termos Atuariais
  ELETRA
  ELETRA (Simulador de benefício)
  Estatuto do Idoso
  GoiasPrev (Planejador Previdenciário)
  INSS
  INSS - Extrato de Pagamentos
  INSS Gerar guia
  INSS: Contagem Tempo Contribuição
  INSS Carta de concessão / memória de cálculo
  INSS: Guia da Previdência Social (GPS Eletrônica)
  INSS: Simular Valor Benefício
  IPARV - Rio Verde
  IPASGO
  IPEA
  Investimento (Simulador)
  Livros (Coleção Previdência Social)
  Livros (Download Grátis)
  Previdência privada (Simulador)
  PREVSAN
  Prestandoprova (Concursos)
  Previdencia Hoje - Notícias
  Publicações de previdencia
  SICOOB Previ
  SICOOB CredCelg
  Simulador de aposentadoria do servidor público
  STIUEG
  Tesouro Direto (Títulos Públicos)
  UFRJ
  ZÉducando
Votação
  Dê uma nota para meu blog


TART -->